ATAS DAS REUNIÕES
« voltar
01/04/2008 - Ata da Reunião Ordinária da AMAB

          Ao primeiro dia do mês de abril de 2008 , às vinte horas, em sua sede provisória no Colégio Santo Inácio, situado à Rua São Clemente, 226, em Botafogo, teve início a Reunião Ordinária da Associação de Moradores e Amigos de Botafogo-AMAB, presidida por sua P residente , Regina Chiaradia e secretariada pelo 1º Secretário Alcyr Nordi. A Presidente deu os seguintes informes:

1º) aniversário de Botafogo: no dia 14/05/08 o bairro completará 199 anos e a Associação não pretende comemorar como no ano passado, pois as relações AMAB X Prefeito e AMAB x AsCEB praticamente não existem. A previsão é só de realizar a missa na Paróquia da Matriz, para a qual conta com a colaboração do GPS. O Associado Ronaldo Pereira , do GPS, confirmou o apoio do grupo para esse evento que poderá ser semelhante ao do ano passado, com a missa, o bolo, a participação de coral, etc. As comemorações maiores estão reservadas para o ano que vem, por ocasião dos 200° aniversário. Surgiu a idéia de se fazer outdoor indicando luto pelo descaso do Prefeito pelo bairro. O Diretor de Finanças César Nordi lembrou da importância da nova edição do "Manequinho" ser expedida em tempo hábil.

2º)Eleições Municipais: A Associação está pensando em participar das eleições verificando, inicialmente, os currículos dos políticos em favor do bairro. Para tanto, pretende criar uma comissão para acompanhar os trabalhos dos políticos novos pelos seus projetos e os que pretendem se reeleger pelos seus projetos realizados durante os seus mandatos. Em função do resultado do acompanhamento, indicará aos seus Associados em quem não votar.

3º) IPTU - Não Pago, e Daí?: A campanha do pagamento do IPTU só em novembro surtiu o efeito desejado, pois canalizou a insatisfação da população para com o representante do Executivo Municipal. Regina lembra que a campanha não acabou e que todos devem continuar com o boicote e não pagar o imposto até o final do ano.

4º) Gás : Apesar da troca de gás de rua já ter sido feita há cerca de 3 anos, as ruas continuam em obras, principalmente a Voluntários da Pátria, fato que tanto prejudica os que por ela circulam.

5º) Dengue : Segundo, especialistas da Fio Cruz, o ápice da epidemia de Dengue se dará daqui a 10 ou 15 dias para, depois, começar a declinar. Acha que o Prefeito é um dos principais responsáveis pelo avanço da epidemia por sua omissão ao caso. O principal foco da dengue em Botafogo é o Cemitério João Batista. Teríamos também que atuar na área política para tratar desse assunto, mas a Região Administrativa não fala com a AMAB porque ela é ocupada pela família da Vereadora Leila do Flamengo. O 1º Secretário Alcyr Nordi relatou a reportagem apresentada pela manhã por uma emissora de TV, na qual um chefe de família responsabilizou judicialmente o Estado e o Município pela morte de seu filho por dengue em 2003, sob o argumento de que não adiantava ele, como cidadão, ter todos os cuidados para evitar os focos de dengue dentro de sua residência, se as autoridades não cuidavam, adequadamente, de áreas públicas. Sua tese foi acolhida pela justiça que condenou os Réus a pagarem R$30.000,00 ao autor da ação. O portal G1 da Globo, também hoje, informou que já existe ação judicial aberta a quem quiser participar baseada no mesmo argumento, mas pedindo indenizações individuais de R$300.000,00 para as famílias das vítimas e, dependendo do caso, pensão vitalícia. A seguir, o Associado Ronaldo Pereira lembrou que não deveríamos esquecer das campanhas que ganhamos mas ainda não levamos: Praça Nelson Mandela e Subenfiteuse Silva Porto. Sobre esses assuntos, Regina disse que a documentação de transferência do terreno do Estado para o Município estaria pronta em junho. É preciso cobrar e acompanhar se realmente ficará pronta. Entende que o Prefeito precisa inaugurar essa Praça. Ele precisa de uma âncora para a campanha política. Sugere marcar reunião com o Júlio Lopes, da Rio-Trilhos, para acompanhar o processo da cessão do terreno. O Associado Sérgio Bahia falou sobre a Praça Nelson Mandela , informando que a situação está confusa, pois a área que estava para ser leiloada incluía até uma praça, sendo por isso, suspenso o leilão. A seguir, Sérgio Bahia falou sobre a Estação São João do Metrô informando que a comissão de moradores formada para representar a AMAB nessa questão deu uma entrevista no "caderno de bairro" de "O Globo" sobre o terreno vazio na Rua Álvaro Ramos e denunciou que a CODERJ usou o terreno provisoriamente como estacionamento e, logo a seguir, passou a área para que fosse explorada pela SINCAUTO. Segundo Regina, entretanto, esse fato não atrapalha o projeto da construção da Estação São João. Sugere incluir esse assunto na pauta da agenda do encontro com Júlio Lopes, além da Praça Nelson Mandela. Foi levantada a hipótese da AMAB montar barraquinha em alguns pontos estratégicos para se colher assinaturas em favor da construção da Estação São João. Nessa oportunidade, foi levantada a questão de se relacionar as pessoas que realmente se comprometerão com o movimento e que poderão participar da coleta de assinaturas. Em continuidade, o Vice-Presidente, Fernando Turino expôs sobre a TV Comunitária (canal 6) , da qual a AMAB é associada. A TC está em processo eleitoral e em fase de se tornar aberta e, em função de interesses alheios aos comunitários, pois está fugindo aos seus propósitos inicias, o processo eleitoral está atravessando muitos problemas. No momento, a TC está transmitindo até corridas de cavalos. A AMAB foi convidada para fazer parte da chapa única oficialmente concorrente no processo eleitoral. Existe, entretanto, uma outra chapa que está querendo dar o golpe e diz que vai fazer outra assembléia em paralelo. Logicamente , esta será contestada. O Diretor de Finanças, César Nordi, foi o indicado para representar a AMAB na chapa única. Regina lembrou que poderíamos aproveitar a TV Comunitária para divulgarmos e desenvolvermos nossos projetos. Finalmente, a D iretora Cultural e Social, Cacilda do Santos, informou que na reunião mensal do Conselho Distrital de Saúde da P2.1, em 17/03/08, no Hospital Deolindo Couto, a coordenadora do CAP falou sobre o período de epidemia da dengue. Falou sobre os recursos que estavam sendo criados para atender a demanda como aumento de leitos, ambulância (só uma) disponível para transporte dos pacientes graves para outras unidades, em parceria com Postos de Saúde e rede privada. Lembrou, também, que até o presente momento o surto na Zona Sul estava sob controle e que o atendimento maior se dava com moradores fora da área da CAP 2.1. Também houve reunião em 25/03/08, no Hospital da Lagoa, referente à Gestão Participativa - tema "Projeto Renascer" . Este projeto foi basicamente fundado pela Dra. Vera Correia, do Centro de Pediatria daquele Hospital. O projeto dá suporte durante 2 anos às famílias das crianças em tratamento que deixam o Hospital, no que se refere a medicamentos, alimentos, pequenas reformas das casas, etc, evitando que as crianças tenham recaídas e voltem para o Hospital. O Projeto tem apoio de vários outros profissionais do Hospital da Lagoa, tais como o Dr. Odilon, chefe da Pediatria, Dra. Soraia, do Setor Hematológico, entre outros. Ele está sendo divulgado para o exterior, sendo considerado um projeto de alta importância e de referência.

E como mais nenhum assunto foi tratado, a reunião foi dada como encerrada, às 22 horas, cuja presente Ata segue por mim, Alcyr Nordi, 1º Secretário, lavrada e assinada, juntamente com a Presidente, Regina Chiaradia.

Alcyr Nordi
Secretário
Regina Chiaradia
Presidente
 
« voltar  |  X topo
 
  AMAB 2017 - Todos os direitos reservados Web Design: Renato Faria