ATAS DAS REUNIÕES
« voltar
16/03/2006 - Ata da Reunião Ordinária da AMAB
      Aos dezesseis dias do mês de março de 2006, às vinte horas e trinta minutos, em sua sede provisória no Colégio Santo Inácio, situado à Rua São Clemente, 226, Botafogo, teve início a Reunião Ordinária da Associação de Moradores e Amigos de Botafogo - AMAB, presidida por sua presidente, Regina Chiaradia e secretariada pelo 1º Secretário , Alcyr Nordi. Inicialmente a Presidente usou da palavra para dar os seguintes informes:

a) Ciclovia
: está prevista a criação de uma ciclovia passando pela Rua Muniz Barreto;

b) Enfiteuse Silva Porto
: a 1ª Audiência será no dia 16/05/06, às 14:20 horas. Ainda caberá recurso em 2ª instância no Tribunal de Justiça;

c) Polo Gastronômico de Botafogo
: Acertou com a AMAB que fará anúncio de página inteira no "Manequinho";

d) Tombamento
: Existe grandes divergências sobre os imóveis e monumentos que estariam tombados. Recentemente, a presidente da AMAB, descobriu que as estátuas: Primavera e Higia, bem como um Chafariz e um Vaso Chafariz existentes na então Casa de Saúde Dr. Eiras, são tombados. Informou, ainda, que o Canecão já foi destombado;

e) Sede do Botafogo
: Estava para ser leiloada ontem, 15/03/06, por dívidas com o Governo Federal (COFINS). Não sabe se o leilão aconteceu.

f) Site da AMAB
: está dando muito trabalho e despesas para mantê-lo atualizado. Terá que reavaliar se vale à pena continuar com esse esforço.

g) Complexo residencial a ser construído na antiga Casa de Saúde Dr. Eiras: A AMAB
foi convidada pelo dono da Construtora RJZ, Rogério Zylbersztajn, para tomar conhecimento do projeto de construção de apartamentos previsto naquele local. Regina foi com a equipe do Manequinho, que gravou a reunião. Contrariando as informações iniciais, de que seriam prédios de 10 andares, num total de mais de 1000 apartamentos, o projeto prevê a construção de 160 apartamentos, todos de 4 quartos, distribuídos em prédios de 3 andares, numa área de 30.000m2. A mata Atlântica não será mexida, sendo toda ela preservada. Os 3 pavilhões construídos por Niemayer, o prédio da Administração e o Chalét Olinda também serão mantidos. Do antigo complexo, quase nada restou, os imóveis existentes na área estão em estado lastimável, restando apenas a parte da alvenaria. Todas as madeiras (portas, portais, janelas, mármores, etc) foram retiradas ou estão imprestáveis. Toda essa destruição dos imóveis está sendo provocada pelo dono da Casa de Saúde, Sr. Miranda, pois ele não quer a construção do atual projeto e sim, a construção dos 1.000 apartamentos. Regina achou que o projeto da RJZ é de alto nível e que sua construção seria um fator positivo, pois, sem dúvidas, valorizaria o local. Quanto ao Chalét Olinda, Rogério se comprometeu a restaurá-lo totalmente com base em literatura a ser adquirida na França. Regina fez Rogério prometer que na inauguração ele terá que fazer uma publicação com o histórico do local, pois foi o primeiro hospital de psiquiatria do país. Ali foi a primeira hidroterapia no Brasil. Regina disse, ainda, ao Rogério, que se ele cumprisse todas as etapas do projeto como fora apresentado, ela retiraria o processo existente movido pela AMAB contra o projeto inicial. Regina disse, ainda, que Rogério pagou todas as despesas de material escolar (R$ 15.000,00) do orfanato União das Operárias de Jesus, na Praia de Botafogo e que ele também iria ajudar a comunidade vizinha ao complexo, restaurando a escadaria e construindo um campo de futebol para as crianças. Finda a reunião, foi elaborado um documento assinado por Regina e Rogério firmando os principais compromissos assumidos no encontro. O "Manequinho" n° 23, de fevereiro/março, dá amplo noticiário sobre o assunto.

Prosseguindo a reunião, o Diretor de Finanças César Nordi
informou que:

a) Troca de gás
: está prevista para os dias 21 e 22/03/06 na Rua Muniz Barreto;

b) Despesas da AMAB
: A Associação tem cerca de 600 associados mas só 120 estão em dia com seus pagamentos. Assim, as despesas estão maiores do que a receita. É preciso buscar solução para o problema.

Finalmente
, o associado Augusto Mauro de Freitas, usou da palavra para informar que está tentando reativar a antiga Associação de Moradores do Conjunto Habitacional Pio XII, no final da Rua Álvaro Ramos e agradeceu as orientações dadas pela AMAB.

E como mais nenhum assunto foi tratado, a reunião foi dada como encerrada, às 22 horas, cuja presente Ata segue por mim, Alcyr Nordi, 1º Secretário, lavrada e assinada, juntamente com a presidente, Regina Chiaradia.
Alcir Nordi
1° Secretário
Regina Chiaradia
Presidente
 
« voltar  |  X topo
 
  AMAB 2017 - Todos os direitos reservados Web Design: Renato Faria